Licença creative commons

Licença Creative Commons
Projeto Traduções - Perry Rhodan de Delgado é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Loading...

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Autores - Claudia Kern

Completando a tríade de mulheres que escreveram para a série principal de Perry Rhodan, está Claudia Kern. Ela nasceu em 17 de outubro de 1967, em Gummersbach, Alemanha.
Foi editora-chefe da revista de ficção científica "Space View". Escreve para as séries "Professor Zamorra" e "Maddrax."

Ela não faz parte da equipe de autores de Perry Rhodan, sendo uma autora convidada. Escreveu três episódios para a série: o nº 2132, "O Orador"(Saltansprecher); o 2192, "Contra o Vampiro da Alma"(Wider den Seelenvampir), e o 2204, "Planeta dos Mitos" (Planet der Mythen).
Também escreveu "Maldição de Akanara" (Akanaras Fluch) para o ciclo "Centauri", da minisérie Atlan.

Outras mulheres que escreveram para Perry Rhodan, mas não na série principal, foram Cathrin Hartmann - que escreveu para o ciclo "Intramundo" (Intrawelt)de Atlan e o miniciclo "Posbi", de Perry Rhodan; e Nicole Rensmann, que foi autora de uma história para o ciclo "O Magistrado" (Die Lordrichter), de Atlan.

http://perry-rhodan.net/information/team/gastautoren/kern.html

segunda-feira, 27 de junho de 2011

As Crônicas de Perry Rhodan

Foi lançado este ano um livro que traz uma nova luz sobre os primeiros anos da série Perry Rhodan. Trata-se de "Perry Rhodan - as Crônicas" - "biografia da maior série de ficção científica do mundo", volume I, escrito pelo ex-autor da série, Michael Nagula.
Neste primeiro volume o autor descreve o que houve nos bastidores da série entre os anos de 1960 e 1974, período em que a série foi conduzida por K. H. Scheer.
Informação do conteúdo, pelo editor: "A pré-História e o início da série, semana a semana - até hoje! - atualizado por diversos autores: anedotas sobre Johnny Bruck , o brilhante ilustrador das imagens das capas, olhar íntimo nos bastidores da editora Moewig, o primeiro fã clube, então licenciado; as edições no Japão, França, Holanda e até mesmo nos EUA, além da produção do primeiro e controverso filme de 1967."

São histórias desse período, que hoje atraem muitos fãs, e Nagula pesquisou com cuidado, com muitas fotos e documentos que narram momentos marcantes da série.

O livro tem capa dura e 584 páginas, ao preço de 24,99 euros.

http://perry-rhodan.net/aktuell/news/2011062101.html

sábado, 25 de junho de 2011

O nº 2600 e novo projeto na série


Geralmente alguns números da série, em especial os de abertura de ciclo, costuma trazer material extra encartado. Já é uma tradição que venha um poster, e no recentemente lançado nº 2600, "O Programa Thanatos" (Das Thanatos-Programm) foi um poster da espaçonave terrana BASE, uma das mais marcantes da série.
E o poster dessa nave não é por acaso. Na história, a lendária BASE, que havia sido aposentada do serviço na frota e se transformado em um cassino, volta à atividade.

Além disso, o nº 2600, com o novo ciclo, "Neuroverso", inicia um grande trabalho, que é o projeto de e-books, que vai lançar no formato digital toda a série. Serão mais de 200 mil páginas dos 2600 volumes lançados, que estarão disponíveis em lojas on-line, como Apple iBookstore e Amazon; também 45.600 páginas dos 114 volumes de prata de Perry Rhodan, que trazem as histórias da série, editadas.

http://www.perry-rhodan.net/aktuell/news/2011061503.html

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Romance de fãs comemorativo aos 50 anos da série

Entre as várias celebrações neste ano - oficiais ou não - relativas ao cinquentenário da série Perry Rhodan, estão projetos de fãs da série, como este romance "Comboio para Andrômeda" (Geleitzug nach Andromeda), de Norbert Mertens, Kurt Kobler e Raimund Peter, membros do Terranischen Clubs Eden (TCE), que publica o Fanroman.

A história é ambientada no ciclo dos Senhores da Galáxia e passa-se em 2405, após a destruição do transmissor solar hexagonal de Andrômeda. Com o fim da ligação entre as duas galáxias, Perry Rhodan vê-se com o problema de obter uma nova ponte de comunicação entre as duas ilhas cósmicas.

Depois de uma longa busca os terranos descobrem as estações espaciais dos maahks; a Estação Central é destruída, mas os terranos conseguem conquistar com sucesso as estações Lookout e Midway. Mas surge um novo problema: é preciso mobilizar naves de carga e suas respectivas escoltas. Mas as atividades dos tefrodenses e aconenses na Via Láctea causam perturbação e diluição de forças valiosas dos terranos. Enquanto isso, na Terra, é feita uma tentativa de reposição da frota, pois os terranos precisam de todas as suas forças concentradas na luta contra os Senhores da Galáxia.
Os terranos iniciam o COMBOIO PARA ANDRÔMEDA...


O livro tem inúmeras ilustrações e 144 páginas, custando 6,50 euros, na Europa.

http://www.mondwettlauf.de/14.html

http://perry-rhodan.net/aktuell/news/2011062201.html

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Autores - Susan Schwartz


Susan Schwartz foi a segunda mulher a escrever para a série Perry Rhodan. Seu nome real é Uschi Zietsch.
Ela nasceu em 3 de agosto de 1961, em Munique, Alemanha. Desde cedo começou a escrever, ainda quando estava na escola. Na universidade estudou Direito, ciência, teatro, política e história.
Em dezembro de 1984 publicou seu primeiro romance, pela editora Wilhelm Heyne-Verlag - o romance de fantasia "Estrela de nuvem de gelo e Magia" (Sternwolke und Eiszauber). Após o sucesso desse romance, continuou escrevendo cada vez mais. Em 1989 ela ganhou o Prêmio Kurd-Laßwitz com "O Sonho do Sol de Inverno" (Der Traum der Wintersonne). Desde 1996 trabalha como escritora freelancer. Tem como hobbies - além de escrever - passeios a cavalo, seus animais, motociclismo e viajar. É membro honorário da "Sentenza Austriaca", uma sociedade do Perryverso, fundada em 1999, por autores da série.

Começou a escrever para Perry Rhodan em abril de 1993, com o episódio nº 1652, "Na rede de Quidor" (Im Netz des Quidor). Escreveu 68 histórias para a série, sendo que a última foi o nº 2575, "Fuga para Anthuresta" (Flucht nach Anthuresta) em dezembro de 2010.
Escreveu também para as minisséries de Atlan, Centauri e Obsidian, Romances Planetários, Biblioteca dos Autores e Perry Rhodan Extra.

Além de Perry Rhodan e séries derivadas, escreveu para outras séries de ficção científica, como Maddrax, Ren Dark, Bad Earth, Titan -Sternenabenteuer, SunQuest, Elfenzeit, Einzelromane e outras...
Como Uschi Zietsch escreveu para The Dark Eye, As Crônicas de Waldsee(Die Chroniken von Waldsee), Einzelromane e uma coletânea de livros infantis.

Embora tenha deixado de fazer parte do corpo de autores de Perry Rhodam en novembro de 2003, ela continua como autora convidada.

http://www.perrypedia.proc.org/wiki/Susan_Schwartz#Perry_Rhodan-Heftserie

http://perry-rhodan.net/information/team/altautoren/schwartz.html

http://www.uschizietsch.de/

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Lançamento da semana

Será lançado amanhã na Alemanha o nº 2600, "O Programa Thanatos" (Das Thanatos-Programm), que abre o 37º ciclo da série, "Neuroverso" (Neuroversum). O ciclo terá cem episódios, ou seja, será concluído no nº 2699, em 2013.
O episódio é de Autoria de Uwe Anton, com capa de Dirk Schulz; ilustração de Dirk Schulz e Horst Gotta.

Subtítulo: Uma nave espacial em perigo - Perry Rhodan luta pela liberdade.

Personagens principais:
Perry Rhodan - O terrano imortal visita seu antigo escritório e perde tudo.
Mondra Diamond - A companheira de Rhodan deve acompanha-lo para um jantar de família.
Gucky - O rato-castor corre para resgatar Perry Rhodan mais uma vez.
Reginald Bull - O companheiro de Rhodan fica para trás.

Na Via Láctea registra-se o ano 1469 NCG (Novo Calendário Galático), que corresponde ao ano 5056 do calendário cristão. A breve mas terrível guerra com a Frequência Monarquia ficou para trás há seis anos. Os habitantes da Terra vão se recuperando lentamente dos acontecimentos traumáticos. As pessoas e os povos de outras nações esperam por um longo período de paz.
Perry Rhodan e seus companheiros imortais avançam em acordos pela galáxia, para mostrar que os conflitos entre as antigas civilizações são uma coisa do passado.
A fenomenal tecnologia da rede de transporte Polyport pode ajudar. Essa tecnologia faz contato com as ilhas estelares distantes; primeiramente para a galáxia Anthuresta, onde se desenvolvem os humanos, no sistema Stardust.
Mas uma ameaça muito diferente se esconde para os moradores da Via Láctea, que até agora não tem nenhum indício dela.
Tem algo a ver com a evolução cósmica, mas também um impacto muito direto na Terra - e Perry Rhodan.
E agora começa O PROGRAMA THANATOS...

Material extra: poster da espaçonave BASE;
Artigo "A Vida Secreta dos autores de Perry Rhodan"

http://perry-rhodan.net/produkte/hefte/1/2600.html

sábado, 11 de junho de 2011

Autores - Marianne Sydow

Periódicamente tenho publicado artigos sobre os autores da série Perry Rhodan. Há alguns dias um colega apreciador da série, sugeriu uma matéria sobre as mulheres que escreveram para ela. Foram três mulheres a escreverem na série principal. Houveram outras que escreveram para os Romances Planetários, a série Atlan e especiais como Perry Rhodan Action. Quanto aos últimos será tema de outra matéria, futuramente. Por enquanto o foco será a série principal.

Escreveram nesta, Marianne Sydow, Susan Schwartz e Claudia Kern.

Este artigo comenta sobre a primeira mulher a ser autora na série, Marianne Sydow. Sua estréia foi em 1976 com o nº 795, "A Rede da Morte" (Netz der Todes), que foi publicado no Brasil no 12º ciclo, "Afilia", pela SSPG. Escreveu 61 histórias na série principal, sendo que a última foi o nº 1588, "Os Falsos Grilhões" (Die falsche Kette), no 22º ciclo, "Os Linguides".

Ela nasceu em 24 de julho de 1944, com o nome de Marianne Bischoff. Escreveu seu primeiro romance, "A essência da réplica" (Das Wesen aus der Retorte), com o pseudônimo Garry McDunn.

Iniciou no universo Perry Rhodan em 1975, pela série Atlan, no nº 178, "Atlan e o Nascituro" (Atlan und der Ungeborene). Seu último nº de Atlan foi o 795,"A Alma Perdida" (Die verlorene Seele); por coincidência o mesmo número com que estreou em Perry Rhodan.

O editor-chefe de Perry Rhodan na época, Kurt Bernhardt (que inspirou K. H. Scheer a criar o personagem Curt Bernard, major intendente das CREST II e III, no 5º ciclo), encomendou a Marianne um personagem feminino de destaque; assim ela criou Jennifer Thyron, que tornou-se mulher de Ronald Tekener, e recebeu um ativador celular. Assim, Marianne entrou na série principal.

Escreveu contos para edições especiais de Perry Rhodan e Romances Planetários. Também foi autora nas séries UTOPIA, Zauberkreis SF(com o pseudônimo Garry McDunn), e Terra Astra.

Divergências com o corpo editorial, especialmente com o editor Günter M. Schelwokat levaram à sua saída da série, em 1992.
Após isso trabalhou juntamente com seu marido, no "Villa Galactica", maior acervo privado de utopia e fantasia da Europa.
Após a morte de seu marido, Heinz-Jürgen Ehrig, a agora Marianne Ehrig se ocupa quase que exclusivamente de seus assuntos particulares.

http://www.villa-galactica.de/HuM_Site/M%20Sydow%20Biographie.htm

quarta-feira, 8 de junho de 2011

O "aniversário" do sr. Perry Rhodan


Na série Perry Rhodan, seu protagonista nasceu no dia 8 de junho de 1936. Portanto hoje estaria completando 75 anos. "iniciando" sua vida, cuja idade na série, já passa de 3100 anos.
Perry Rhodan "nasceu" na pequena cidade de Manchester, Connecticut, Estados Unidos. Seu pai era James Edgar "Jake" Rhodan, um filho de imigrantes alemães que após o fim da II Guerra Mundial imigrou para os EUA. Sua mãe, Mary Tibo Rhodan.
Ou seja, tem ascendência alemã, assim como seu amigo Reginald Bull, que aniversariou no dia 14 do mês passado.

Ao longo dos anos, os fãs prestaram muitas homenagens ao personagem de ficção científica que faz sucesso há tanto tempo; inclusive diploma expedido pelo prefeito de Manchester, carta do astronauta Neil A. Armstrong e vários selos comemorativos.

http://perry-rhodan.net/aktuell/logbuecher/2011060801.html

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Projeto Traduções lança o nº 554

O Projeto Traduções lança hoje, 1 de junho de 2011, o nº 554 da série Perry Rhodan, "Sequestradores no Espaço" (Kidnapper im Weltraum), de Clark Darlton.
Subtítulo: Expedição punitiva contra a Terra - a Frota Solar oferece uma batalha simulada.
Capa: Johnny Bruck.
Personagens principais: Atlan, Julian Tifflor, Corkt Y'Xamterre, Gucky, Ras Tschubai, Balton Wyt, Dr. Willibald Steiner.
Lançamento na Alemanha: Abril de 1972.

A história conta as batalhas que os terranos encenam no Sistema Solar, continuando com o embuste para enganar os senhores do Enxame, e a tentativa do grupo comandado por Atlan, composto por Gucky , Ras Tschubai e Balton Wyt, para sequestrar o comandante da frota invasora, o ídolo Corkt Y'Xamterre.

O livro eletrônico será enviado a partir de hoje para os participantes do Projeto.

Para ler uma amostra da história, copie e cole o link abaixo.

http://www.4shared.com/file/FOt0Wrbt/Amostra_554_-_Os_Sequestradore.html