Licença creative commons

Licença Creative Commons
Projeto Traduções - Perry Rhodan de Delgado é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Loading...

domingo, 22 de novembro de 2009

Jogo Perry Rhodan para PC/DVD


Para os apreciadores de jogos e de Perry Rhodan, Mito de Illochin é uma boa opção. Estando ou não familiarizado com a série, pode-se aproveitar o que o game oferece.

Mito de Illochim é bastante simples, um jogo de aventura com uma perspectiva de câmera fixa e um mouse interface tradicional e confortável. Os hotspots que você tem que clicar para passar de uma sala para outra são simples (botão direito do mouse irão levá-lo para o quarto mais rápido), mas alguns deles são ilogicamente colocados.

Mais informações:


Perry Rhodan e seus fãs


A série Perry Rhodan é um tema de grandes e variadas discussões. Na Alemanha é algo que surpreende e extrapola limites, chegando a uma grandiosidade quase comparável aos fantásticos números de sua história que abrangem bilhões de anos luz no espaço e lapsos temporais de milhões de anos. Mas mesmo onde a série não teve um sucesso comercial tão grande, sempre deixou um ratro de paixão em seus fãs - que mesmo em países onde são poucos relativamente ao potencial relacionado à população - sempre fiéis. Esses fãs deixam as considerações filosóficas e interpretações subliminares e concentram-se no que a série tem de melhor - a fascinante aventura da humanidade em seu caminho na história do Cosmos.

Com ingredientes que desde sempre atraíram e povoaram o imaginário do ser humano, como inatingíveis e utópicos objetivos, como conquista do espaço, descoberta de novas civilizações, desbravamento, imortalidade, poderes paranormais e o objetivo e sentido da existência, a história de Perry Rhodan desde seus primórdios cativou os leitores, conquistando um lugar na história da ficção científica.

O fato de ser uma série em alemão talvez tenha de algum modo limitado a expansão que poderia ter. Pode-se supor que se fosse em lingua inglesa teria atingido patamares de divulgação ainda maiores. O mercado estadunidense, o maior do mundo, não foi conquistado. Lá existem aquilo que como já foi ressaltado, é uma característica da série: uma pequena mas fiel legião de fãs.

No Brasil, desde 1969, quando apareceu de forma isolada, e a partir de 1975 regularmente, teve uma história de interrupções e retornos. A Ediouro publicou 536 números e formou a base dos admiradores da série, que até hoje se mantém. Na década de 1980, a partir de 1983 quando passou a ser vendida em bancas, alcançou estabilidade e um grande número de leitores, considerando-se nosso país. Infelizmente estabilidade era o que faltava na área econômica, o que ensejou o cancelamento da série em 1991. Já em tempos mais estáveis a SSPG trouxe a série de volta, um anseio de todos aqueles que nas décadas de 1970 e 1980 conheceram e acompanharam as aventuras dos terranos.

Mas outros problemas apareceram e privaram os fãs novamente de continuar a acompanhar a saga rhodaniana.Mas a criatividade e perseverança são características daqueles que admiram a série; como o fã clube que no passado lutou para a volta dela ao Brasil, como os próprios editores da SSPG, que são fãs da série, seus seguidores no orkut e na lista de discussão do yahoo e os integrantes do Projeto Traduções.

Sem deixar de querer que Perry Rhodan volte a ser editado e publicado em forma de livros impressos, está se fazendo o possível para continuarmos a ler histórias inéditas em português, e em breve mais um história será lançada e assim que o seja, noticiado aqui.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Calendário retrofuturista



Recomendado pela redação editorial de Perry Rhodan, um calendário para 2010. De autoria do artista gráfico e ilustrador Klaus Bürgle, é em formato grande de 50cmx44cm e leva o título "Visão 2010". As imagens foram criadas nas décadas de 1950 e 1960 e mostra uma visão do que seria o ano 2010, um futuro que na época era considerado bastante crível e factível. O cartunista nasceu em 1926 em Stuttgart. Depois de uma formação artística e acadêmica em 1953 começou a trabalhar como um artista independente. Seus trabalhos têm sido publicados em vários livros de ciência popular e revistas. O calendário contém doze folhas mensais e uma bolsa, além de textos explicativos, que permitem a comparação entre as previsões e o desenvolvimento real da ciência e da tecnologia. Pode ser adquirido na Amazon.de.


Extraido de texto original de Klaus N. Frick.





http://www.perry-rhodan.net/aktuell/empfehlungen/2009111901.html

http://www.amazon.de/gp/product/3838410033


terça-feira, 17 de novembro de 2009

Projeto Traduções e história de Atlan


O Projeto Traduções está com planos de oferecer como um bonus aos participantes pagantes, uma das histórias da série ATLAN. Trata-se do nº 88 da série, que abre o 2º ciclo, "O Herói de Árcon" e que começou com o conceito "Atlan exclusivo", com histórias centradas no arcônida. O título é "O Deserto da Aranha" e conta as aventuras de Atlan em sua juventude, fugindo dos caçadores mandados por seu tio Orbanaschol III para matá-lo.

Um dos integrantes do Projeto a está traduzindo do inglês, e assim que estiver pronta a intenção é enviá-la aos que adquiriram as histórias de Perry Rhodan.

Um resumo da história:

Título: O Deserto da Aranha

Subtítulo: Sob traidores e assassinos - uma aventura do jovem Atlan no ano 10.496 de Árcon.

Autor: Ernst Vlcek

Capa: Jonhnny Bruck

Publicado pela 1ª vez em 11 de junho de 1973.

Personagens prioncipais: Atlan, Fartuloon, Eiskralle, Pronti, Komyal, Lay Manos, Waccor, Vafron.
No ano de Árcon 10.496, 8024 a. C., Atlan é um adolescente. Ele está no isolado mundo de Gortavor, com seu pai adotivo e mestre, Fartuloon, que foi médico particular do pai do jovem príncipe de cristal, o falecido imperador Gonozal VII. Ele trata de garantir a segurança de seu pupilo e mantê-lo escondido dos que procuram por ele para matá-lo, a mando de seu tio usurpador, Orbanaschol III, assassino do imperador. Fartuloon deu à criança o nome de Atlan, como originalmente queria a mãe do jovem, mas nada diz a ele sobre sua origem e seu direito legítimo ao trono de Árcon. Eles se encontram no chamado deserto da Aranha, juntamente com Eiskralle, um chektor, que tem um corpo humanóide transparente de 1,35m de altura. Ele tem a capacidade de com sua garras congelar qualquer matéria orgânica. O deserto da aranha é coberto por uma malha de tecido de fios prateados com espessuara de um fio até a grossura de um braço, que fica a uma altura aproximada de dois metros do chão.Esta rede pode ser influenciada pelas vibrações e sons de criaturas misteriosas. Um toque de cordas tira todos os fluidos do corpo da pessoa, ferve o sangue e por isso parece desbotada ou mumificada. Durante uma tempestade seu transporte quebra e eles tentam achar abrigo no labirinto Zagooth. Após chegarem nas ruínas de Marauthans, Atlan, Fartuloon, Eiskralle e Azhira são raptados pelo pessoal de Lay Manos que quer usa-los para fazer chantagem para obter tesouros arqueológicos. Em meio aos perigos e batalhas no deserto da aranha, Fartuloon identifica membros da organização secreta de Orbanaschol...


Quem quiser ler os capítulos já traduzidos dessa história pode fazê-lo na comunidade do orkut Perry Rhodan Brasil, onde foram postados como amostra, no tópico a seguir:


sábado, 14 de novembro de 2009

Lançamento da semana




Foi lançado no dia 12/11/2009 na Alemanha o nº 2517 da série.


Título: O Exército Protótipo.


Subtítulo: A JULIO VERNE alcança Multika - Atlan na pista de experiências secretas.


Autor: Arndt Ellmer.


Capa: Swen Papenbrock.


Ilustração: Michael Wittman.


Personagens principais:


Atlan: O imortal examina o sistema binário Multika.


Dork: O tlunx procura fugir das garras da frequência monarquia.


Ruitort: O vatrox saqueia o legado do passado.


Semwat Lenz: O comandante das forças de desembarque volta às trilhas do passado.


Weisnech: O tefrodense torna-se um modelo para dezenas de milheres.


Na Terra e em outros planetas da Via Láctea registra-se o ano 1463 NCG (5050 da era cristã). Enquanto Perry Rhodan atende ao grito de ajuda dos terranos na vastidão desconhecida do sistema Stardust, Atlan com a JULIO VERNE, tenta saber mais sobre um misterioso inimigo. Em Andrômeda o imortal encontra o Exército Protótipo...


quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Ficha de Atlan




Atlan é um dos personagens principais da série Perry Rhodan, tendo originado uma série voltada para ele e até hoje são lançadas publicações sobre o arcônida imortal que tanto fascínio causa em muitos leitores.


Ele é uma espécie de alterego de Perry Rhodan, e foi criado por K.H. Scheer aparentemente para se contrapor a Rhodan, apesar de ser muito semelhante a ele.


Algumas informações sobre o personagem:


Atlan da Gonozal, nascido em 9 de outubro de 8045 a.C. Filho de Mascudar da Gonozal, o imperador Gonozal VII e de Yagthara Agh'Hay Boor. Nasceu no palácio de cristal de Árcon I. Ele nasceu depois de 23 anos de casamento de seus pais (27 anos de tempo terrano). Aos 18 anos foi ativado seu cérebro suplementar e memória fotográfica.


Recebeu um ativador celular dos cosmocratas calibrado para suas vibrações individuais quando servia no Sistema Solar a cerca de dez mil anos. No ano 427 NCG passa a ser um dos Cavaleiros das Profundezas. Tem 1,87m de altura, corpo musculoso, cabelos pouco acima dos ombros e a íris de seus olhos não é tão vermelha como a de outros arcônidas. As cirurgias estéticas diminuíram muito as cicatrizes em seu abdômen, causadas por operações improvisadas para retirar o ativador de células que foi obrigado a engolir por várias vezes durante sua peregrinação pela história da Terra. Ele aprecia vinho tinto e a companhia feminina, é sarcástico e zombeteiro, mas de boa índole. Com Varganin Ishtar teve um filho chamado Chapat, com Shani uma filha chamada Aiv; com a amazona Aieta Demeter, Toxatlan. Com a índia Laughing Shadow, a filha Black Moon e com a arcônida Theta Ariga, Jasmyne Ariga.


Algumas de suas identidades na história da Terra:

Atlantharro
Atlan d'Arcoyne von Beauvallon
Koramal
Darbeck
Macolon
Phil Holding
Coronel Hendricks
Skörld Gonardson
Olaf Peterson
Attalan-shar
Adlaan
Atlan-Anhetes
Atlantos
Ahiram-Acran
Atlan-Horus
Shar-Atlan
Vregh Brathon